A auscultar desde dois mil e tal.

Olá a todos, especialmente a ti.


É inevitável dizer que o tema do momento é o surgimento do movimento com vista à elevação de S.Torcato a concelho. Mesmo com a inexistência de qualquer post alusivo ao tema, este já foi um assunto, por vezes, discutido neste blog. Achei portanto, pertinente lançar “formalmente”  este objecto digno de estudo.

 

Nem sempre o que merece ser estudado, é motivado pelo interesse que possa ter, ou pelo brilhantismo que apresenta. Muitas vezes, os estudos e análises servem para perceber certos comportamentos, ou saber o porquê das coisas, neste caso o porquê desta ideia de elevar S.Torcato a concelho e  consequente criação do movimento. É preciso perceber se esta surgiu por surgir, ou seja, se foi porque uma mente sonhadora tocou no assunto cá no blog e numa tarde de folga alguém decidiu criar um movimento, ou se surgiu após um estudo fundamentado e exaustivo de vários entendidos na matéria, ou então se surgiu como um aproveitamento, para chamar a atenção e depois ao de leve misturar assuntos também já falados.

Segundo a minha interpretação, vou para a última hipótese. Este movimento não é inocente, nada mesmo, sendo para mim óbvio que é uma continuação do boletim S.Torcato, não estando eu a querer dizer que tem os mesmos autores. Senão vejamos. O METC surgiu sensivelmente um mês depois do boletim: para não o fazer esquecer? Existem dois posts escritos, em que apenas metade do primeiro fala da ideia de S.Torcato a concelho e que, para mim, nenhuma das justificações apresentadas para tal necessidade é válida, só é mencionado o que S.Torcato não tem em vez de se justificaram com o que tem (não tendo nada como pode ser concelho?). Para não falar que duas das seis razões apresentadas com vista à elevação de S.Torcato a concelho, mencionam a Irmandade. A segunda metade desse post aborda o outro objectivo bem claro que é a “Extinção da Irmandade de S.Torcato” que justifica tal objectivo evocando o boletim (aqui começa a primeira fuga ao tema). Lançaram agora um novo post, que podia bem falar de mais ideias para o futuro concelho ou até podia ser um relato do trabalho que já têm feito nesse sentido, mas não. O novo post é uma “Carta aberta a D. Jorge Ortiga sobre risco de colapso do santuário de S.Torcato”. E o texto fala sobre o santuário, e falando do santuário fala-se da irmandade e falando-se da irmandade, fala-se “mal” mais um bocadinho. Para choque da minha parte, no final é colocado o link do outro blog que fala sobre o boletim, para o D. Jorge Ortiga poder consultar. Na minha opinião o METC podia ter disfarçado melhor, esqueceu muito rapidamente a ideia de concelho, e aí comprometeu tudo. É irmandade a mais e concelho a menos. Atenção que com isto não quero defender quem quer que seja, só quero alertar que esta magnifica ideia (ou não) do METC de elevar S.Torcato a concelho é uma falsa questão, na minha opinião. Não tenho conhecimento de psicologia como alguns aqui já os mostraram, faço apenas uma interpretação dos factos.

Esta é a minha interpretação, e a vossa qual é?

Sobre este movimento, tenho dito.

 

 

 

 

Já agora, pegando na ideia(?) do METC (esquecendo o seu propósito) acho pertinente falar da possibilidade de S.Torcato ser concelho. Neste momento não passa de uma ideia parva. Como já aqui alguém disse, vimo-nos à rasca para sermos uma vila, se bem que já estivemos bem pior. Onde temos estrutura para tal ideia? Mesmo juntando todas as freguesias envolvente, vejo só uma vantagem, ficávamos com mais mato e aí pelo menos ganhávamos em oxigénio. Ter muitos habitantes e muita área não me diz nada, sem o conteúdo… Na minha opinião podemos, sozinhos, transformarmo-nos numa grande vila e para lá caminhamos, mas daí a sermos concelho, ainda vai um bom bocado. Reforço a ideia dizendo que como estamos (ou até juntando as tais freguesias) é estúpido dizer que podemos ser um concelho, mas se me disserem que era bem feito um projecto para daqui a uma década ou duas sermos concelho, isso já é diferente. Mas a concretização de um projecto desses transporta sempre uma sério de factores e variáveis difíceis de controlar. Um cenário destes já não é tão estúpido assim.

 

Comentem, opinem, sejam especialmente activos.

Até breve,

JP

bitaite mandado por juanpapali às 17:11 | link do post
informações confidenciais
procurar cenas
 
últimos bitaites
Muito bom. Quero uma destas!! 
Eu acho que apoiava a candidatura do juan papali d...
O JP pode ser um candidato a candidatar-se... apre...
Espero que a freguesia da corredoura e da Cachada ...
Também temos da Corredoura.
e da corredoura nao ha?
sim de facto, hoje em dia qualquer pessoa tem um p...
http://www.noticiasdeguimaraes.com/%e2%80%9ccentro...
Boas... na "onda" das obras... Como conseguem esta...
Depende do que gosta de fazer...
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
últimos bitaites
Muito bom. Quero uma destas!! 
Eu acho que apoiava a candidatura do juan papali d...
O JP pode ser um candidato a candidatar-se... apre...
Espero que a freguesia da corredoura e da Cachada ...
Também temos da Corredoura.
e da corredoura nao ha?
sim de facto, hoje em dia qualquer pessoa tem um p...
http://www.noticiasdeguimaraes.com/%e2%80%9ccentro...
Boas... na "onda" das obras... Como conseguem esta...
Depende do que gosta de fazer...
parvoíces mais comentadas
122 torcatenses já mandaram bitaites
98 torcatenses já mandaram bitaites
72 torcatenses já mandaram bitaites
60 torcatenses já mandaram bitaites
43 torcatenses já mandaram bitaites
38 torcatenses já mandaram bitaites
36 torcatenses já mandaram bitaites
35 torcatenses já mandaram bitaites
27 torcatenses já mandaram bitaites
26 torcatenses já mandaram bitaites
subscrever feeds
SAPO Blogs