A auscultar desde dois mil e tal.

    

 

 Olá a todos, especialmente a ti.


Passado mais de um mês volto a escrever um novo post. Desta feita o tema é, digamos, de última hora.


Como é do conhecimento da maioria da comunidade torcatense, circulou nas últimas semanas na nossa vila um jornal denominado “S. Torcato – Boletim Informativo” tendo como responsável da sua edição António de Sousa Fernandes, ex-juiz da Irmandade de S.Torcato.

O propósito principal deste jornal é difícil de definir e pode ter várias interpretações: difamação? ataque/vingança pessoal? Desmascaramento  de corrupção? anunciar a verdade? Complicado. Vou defini-lo como o editor o define, este jornal surge com o objectivo principal de consciencializar os Irmãos de S.Torcato para as questões que estão por detrás do chamado “Roubo do Século” que é definido, de um modo muito sucinto, como a apropriação de bens/direitos da irmandade para benefício próprio dos seus membros, mais propriamente Arquitecto Vítor de Abreu Fernandes e Dr. Novais de Carvalho (actual juiz da irmandade). O indivíduo alvo de mais acusações é mesmo o Arquitecto Vítor de Abreu Fernandes. Sabem quando ouvem na rádio uma música e depois durante o dia ela não vos sai da cabeça? Aconteceu-me o mesmo com o nome Arquitecto Vítor de Abreu Fernandes, devido às largas dezenas de vezes que este nome é mencionado na publicação. Lembro-me agora que também são envolvidos outros nomes nesta (longa) "história" que apresenta várias derivações complexas. É óbvio que não vou entrar em muitos pormenores sobre o que lá foi dito, daí eu disponibilizar no final deste post a dita publicação.

O que posso fazer é a minha análise geral sobre o que foi dito (como vocês poderão fazer também). E a minha análise, por mais que me esforce em esmiuçar o assunto, não consegue tender de um modo firme e convicto para um único “lado”. Fica sempre presente na minha cabeça que eu só estou a ler uma versão dos acontecimentos, por mais que me possa parecer que são factos evidentes e bem justificados. Mas também penso, se este jornal é feito de mentira, é de um engenho fantástico. Por outro lado, posso imaginar que tem vingança pessoal à mistura. Também tive um pensamento acho que comum aos torcatenses: O autor desta publicação tem uma certa fama (não sei se de uma forma justa) que a está a tentar transmitir/mostrar à população que o outro indivíduo também a tem (não sei  se de uma forma justa). Pensaram no mesmo?

 

Eu sei que este assunto não é novo e que já anda na boca do povo há uns anos. Lembro-me de uma carta que circulou há mais de uma década que falava de um modo resumido deste denominado “Roubo do Século”, na altura sem identificação do remetente. Pela auscultação aos torcatenses concluo que estes, na sua maioria, acreditam na versão dos factos deste jornal e o que este transmite não é novidade nenhuma.

 

O que é certo é que o jornal “S.Torcato -  Boletim Informativo” causou um impacto tremendo na vila e nas pessoas visadas. O jornal “O Comércio de Guimarães” noticiou esta semana que o Arquitecto Vítor de Abreu Fernandes apresentou a demissão do cargo de Director do Departamento de Projectos e Planeamento Urbanístico da Câmara Municipal de Guimarães. O jornal vimaranense relaciona a demissão do Arquitecto com esta publicação. O jornal apenas especula, mas os factos parecem óbvios: esta publicação abalou o visado, agora falta saber de que modo e quais as razões da demissão (por exemplo: para proteger a Câmara? para se proteger a si?). O jornal também fala na possibilidade do abandono por motivos de saúde.

 

O assunto promete não morrer por aqui devido às consequências obtidas.

 

Para isto se tornar num caso mais equilibrado só falta mesmo que a “outra parte” se manifeste. Faço sinceros votos para que isso aconteça, para me dissipar algumas dúvidas, ou melhor, para ver se consigo tender firmemente para o que é exposto no boletim. Suspeito que essa manifestação será visível apenas por via judicial.


 

Convém realçar que esta publicação não foca apenas o denominado “Roubo do Século”. Aborda outros temas relacionados com a Irmandade e a vila geral. Muitos desses temas já debatidos neste blog, como, a localização e estética do futuro lar de idosos, a medalha de mérito atribuída pela Junta de Freguesia de S.Torcato sendo também referidas as “versões contraditórias” que são veiculadas quanto ao mérito na atribuição de certas obras, quer a Reinaldo Fernandes ou a  António de Sousa Fernandes (o editor do boletim). Este último assume a atribuição à sua pessoa de obras já aqui faladas como o Posto da GNR, Escola EB2,3, Bombeiros, Escola Agrícola, etc.

Destaco também neste boletim, a focagem da expulsão de S.Torcato da lista dos Santos que se for verdade, muita gente não sabia, sendo um choque para a maioria. Assim como, o artigo referente  ao Padre Arieira, que me parece escrito de um modo muito exagerado e irreal, tornando-se até ridículo em momentos.

 


Não posso terminar a minha abordagem, sem deixar passar algo que me chamou muito à atenção. Entre as folhas do boletim que recebi, encontrava-se uma folha A4 a publicitar um “T4 de Sonho” em S.Torcato que segundo sei de propriedade do autor deste boletim, bem como um Condomínio Fechado no Brasil!! Este facto provocou em mim pura e simplesmente...riso compulsivo. E mais não consigo definir.

 

O autor promete futuras edições, assim aguardamos. Dois jornais numa vila como S.Torcato é obra!

 

Disponibilizo na integra o jornal “S.Torcato – Boletim Informativo” AQUI.

 

O recorte da notícia que dá conta da demissão do Arquitecto Vítor de Abreu Fernandes AQUI.

 

E já agora, passando a publicidade, o folheto imobiliário S.Torcato/Brasil para verem se o meu riso foi escusado ou não, AQUI.

 

Comentem, opinem, sejam especialmente activos

 

Até breve,

JP

 

Nota1: Chamo a atenção para a mudança do slogan deste blog (lá em cima no cabeçalho)...por uma questão de humildade.

Nota2: Para obter os ficheiros,  após abrir cada link, clique em "download" no final de cada página

 

bitaite mandado por juanpapali às 00:17 | link do post
Bom dia,
O tema dá pano para muitas mangas, mas só mais logo com algum tempo darei a minha opinião global. Deixo apenas um esclarecimento. A demissão do Arq. nada tem que ver com este assunto Aliás, ela ocorre ainda em Novembro e tem por principal motivos conflitos internos com a Vereadora que o tutela. Quem conhecer bem aquela casa sabe que os dois sempre andaram de costas voltadas, ora chegada a Vereadora a senhora colocou os pontos nos iiii.
Saludos
Tribunal a 14 de Dezembro de 2009 às 09:37
1º Concordo com muita coisa que diz.
2º Não concordo com o que fala sobre a medalha da Vila
3º Falta agora as próprias revelações do Sr. Fernandes.
TORCATENSE DE S.TORCATO a 14 de Dezembro de 2009 às 11:13
olá! Julgo que o que foi escrito toda a gente já sabia, mas não com tantos pormenores... Mas, apenas o sr.º Fernandes teve coragem de as denunciar...não me surpreendem nada as ditas acusações, só espero que sejam punidos, e que o povinho abra os olhos par o que se passa na CMG e na Irmandade!
janela indiscreta a 14 de Dezembro de 2009 às 11:51

Boas,


 A minha primeira opinião no blog.


O tema desperta em mim muito interesse e por certo em muito dos Torcatensses, até porque se refere a algo que toda a gente "sabe" ou “Suspeita" mas ninguém tem provas para se opor, com muita pena minha, e que mexe com os grandes interesses da nossa Vila.


Pelo que li no Comércio de Guimarães, nao me parece que o director de planeamento da CMG se tenha demitido pelo conhecimento do dito jornal, visto que a demissão data dos últimos dias de Novembro e o jornal data do dia 6 de Dezembro.


Só tenho pena que os “media” do concelho não peguem neste jornal e investiguem estas acusações gravíssimas que supostamente decorreram dentro da CMG, porque mais uma vez parece que o que vai acontecer é ficar gravado na memória do esquecimento...


Tenho um problema, as vezes oiço vozes e, pelo que essas vozes sussuram este será um infimo pequeno cume de um grande iceberg, esperemos que em abono da verdade, que o aquecimento global chegue depressa a este dito iceberg e ele descongele e que na imensidão das suas ondas leve o podridão deste país.


 


Nota: Continuo a achar que os nossos jornais só falam sobre aquilo que os deixam falar, parecendo que a censura nunca foi extinta no nosso país... Adoraria estar redondamente enganado!!!


 


 Até breve


“Nobre Povo”

anónimo a 14 de Dezembro de 2009 às 11:58
Bom dia. A demissão do Arq. Vítor Fernandes está 100% relacionada com o Boletim S. Torcato. Senão vejamos: a publicação foi elaborada há mais de 6 meses e a apresentação da demissão deste indivíduo, no dia 30 de Novembro, é muito coincidente, o o que revela poder ter havido fuga na tipografia ou nos CTT que procederam à distribuição (desde meados de Novembro). Por isso, a quanto à tese de diferendo com colegas de trabalho, a Dra. Alexandra Gesta pode ser "imensa", mas não "come" ninguém, muito menos o Arq. Vítor.
Outra coisa, podemos ficar com a ideia de que o principal visado é o Arq. Vítor Fernandes que apresentou demissão. Por acaso, até é um dos visados, mas não só. Mas o interessante no meio de tudo isto, é que as consequências, se houver justiça, terão de dar o mesmo destino ao Senhor Presidente, António Magalhães. Pode ficar impune, mas pode ser que esta ponta do icebergue, agora à tona, afunde o "titanic".
Quanto à publicação do folheto imobiliário no meio do Boletim de S. Torcato, apesar de ridículo, tem uma finalidade bem vincada e definida mas muito ténue de acontecer - é verdade - que é dar hipótese ao Arq. Vítor, Dr. António Magalhães ou Dr Novais de Caravalho, que a melhor fuga que poderão ter está ali à vista de todos: uma "prisão dourada no Brasil, isto se ficarem impunes. Nada foi deixado ao acaso, meu Caro, e o seu riso fica assim justificado.
Outros comentários ficam para outra altura, se se justificarem. Entretanto, a título de curiosidade, se não tiver o jornal Boletim de S. Torcato à mão, sempre pode dar uma espreitadela em http://saotorcato.blogspot.com/ (http://saotorcato.blogspot.com/). Para memória futura...



 

Olá. Queria dar-lhe os parabéns pela forma como esmiuçou o Boletim de S. Torcato. Em boa síntese, concordo com a maior parte dos comentários, mas queria apenas tecer, se me permite, algumas considerações que poderão ajudar a esclarecer melhor este enredo que é, sem dúvida, na sua principal manchete, um caso de Polícia.


Para mim é óbvio que o Arquitecto Vítor Fernandes se demitiu por causa da publicação do Boletim. Ao que já constatei junto de amigos, também comuns ao autor da publicação, há muito que o Boletim estava pronto a ser publicado. A oportunidade, próxima da quadra natalícia, terá em tudo a ver com o objectivo de tornar 'menos doce' a convivência e a discussão destes assuntos no seio familiar de cada um dos visados em plena época festiva. Em boa verdade, espero agora que o Ministério Público, a Polícia Judiciária e os Tribunais se ponham no terreno e com imparcialidade exigida revelem e punam todos os tentáculos desta teia que poderá implicar outros nomes de proa e de relevo na Autarquia Vimaranense.


O Sr. António de Sousa Fernandes, acossado pela vingança ou pelo desdém a que foi submetido – fica no ar esta questão – tem um par de “cojones” do tamanho de melancias ao lançar em praça pública, não as questões antigas do diferendo que teve com a actual Mesa da Direcção, a que chama o ROUBO DO SÉCULO, mas essencialmente por ter feito frente a quem punha e dispunha do PDM na Câmara de Guimarães, o Arquitecto Vítor Fernandes. A ser verdade o teor dos acordos que celebrou com a Autarquia e que esta não cumpriu, só resta aguardar pelo desfecho que os Tribunais irão dar ao processo.


Por outro lado, espera-se uma reacção de igual índole por parte do Arquitecto Vítor Fernandes, cujo bom nome e reputação ficam para sempre manchados. Mas com os telhados de vidro que acabam agora de ser confirmados, só lhe restará uma ‘fuga’ para bem longe desta confusão e deixar que os seus familiares colham e dividam entre si os louros duma acção que, quanto a mim, é um crime. Alguém que se serviu do cargo público que exerceu para converter os terrenos agrícolas em zonas de construção, não pode alegar em sua defesa erro grosseiro ou necessidade de se expandir a mancha habitacional por crescimento rápido da população Torcatense dando primazia a terrenos seus e de familiares que embora muito bem localizados são zonas exclusivas para o desenvolvimento de actividades agrícolas e afins. Assim, é fácil enriquecer. Aguarda-se por isso que o eco da publicação impeça um enriquecimento fácil ou que se vier a ser constatado que ao menos seja distribuído por Instituições de Solidariedade Social, como tanto se fala na Assembleia da República.


(CONTINUA)

Bemcatoma a 15 de Dezembro de 2009 às 17:10

(CONTINUAÇÃO)


A questão da Santidade de S. Torcato é algo complexa e pouco passível de ser resolvida com um teste de ADN. Ao que a história conta, o Santo foi martirizado às mãos de antepassados da Al-Qaeda juntamente com 27 companheiros, ainda no tempo dos visigodos, muito antes da Portugalidade. Alguns séculos mais tarde é supostamente encontrado debaixo dum amontoado de pedras. Será que o corpo era mesmo de S. Torcato ou de um dos 27 companheiros que também morreram mártires? O Boletim fala ainda da martirização que ‘relega qualquer católico à condição de santo’. Sendo assim, em S. Torcato há ainda mais 27 Santos (companheiros de S. Torcato), cujas múmias se encontram por descobrir. Estas serão, quanto a mim, as questões em aberto. Sobre o necro-catolicismo à volta da múmia de S. Torcato, a crença popular e a medicina já lhe atribuiu um milagre que a Igreja não reconheceu. Em suma, da Santidade de S. Torcato não tenho dúvidas. Só tenho da identidade da múmia exposta na ‘pingadeira’ rentável, que o povo e a fé denominaram como sendo de S. Torcato. Um mistério.


O Lar Frades em clausura. Acho que todos se oporiam à construção de um Lar em pleno ‘Toural’ da Cidade de Guimarães. É inusitada e de mau gosto a sua construção em cima de um chafariz por causar graves distúrbios urbanísticos, permitida incompreensivelmente pelo ex-Director do Planeamento Urbanístico. Infelizmente, a questão passou sem oposição activa. Uma mancha negra tanto da Actual Irmandade, da Junta de Freguesia local e da Câmara de Guimarães!


Para terminar, chamou-me atenção, também a mim, o panfleto imobiliário no meio do Boletim. Conhecendo a figura do autor da publicação, que não perde uma oportunidade de publicidade, entendeu muito bem que os 2 ou 3 mil exemplares distribuídos em S. Torcato não deveriam de ser desperdiçados. Só não entendi ainda a parte à venda do condomínio fechado no Brasil com 3 habitações protegidas por muros de 3 metros e meio de altura...


Obrigado. Haja justiça!

Bemcatoma a 15 de Dezembro de 2009 às 17:12
Bons comentários, sim senhor. À sua síntese em cima dou-lhe 20 valores. Também uma nota positiva ao Amigo Bemcatoma a quem agradeço por trazer à discussão o assunto sobre a identidade de S. Torcato. Nunca me havia passado essa questão pela mente. A Vila de S. Torcato com 28 santos de uma assentada, parece absurdo, mas tem toda a lógica face ao que a Igreja estabelece como norma quando ocorre um martírio, seja ele individual ou colectivo. 
Gostaria ainda de falar sobre a tímida Imprensa Vimaranense. A maioria dos jornais da Cidade não fala do Boletim de S. Torcato porque a sua sobrevivência depende em grande parte da publicidade ou subsídios que a Autarquia lhes faz chegar. Fazer frente ao Dr. António Magalhães e à sua comandita acarreta o problema de perda de rendimento, pois também um cão, salvo seja, sabe o que lhe acontece quando morde a mão de quem o alimenta.
O Boletim S. Torcato levanta a questão de uma alegada corrupção praticada pelo arquitecto Vitor Fernandes em benefício próprio enquanto Director do Planeamento Urbanístico. Depois de vendidos todos os metros quadrados dos terrenos agora reconvertidos em área de construção, os valores deste negócio chegarão, segundo o Boletim, os astronómicos 50 milhões de euros. Ora isto, é verdadeiramente um crime descarado de quem pensa que fazer parte da elite tradicional torcatense lhe dá azo a fazer o que bem lhe apetece ou que lh dá na gana. Já só falta falar em máfia. Se tivermos em conta que os filhos ou os descendentes da Família do Arquitecto Vítor Fernandes virão a gozar parte da fortuna agora elevada à potência máxima, prontinha a colher, se este caso ficar no esquecimento, imagine-se o grau de impunidade que eles herdarão com o exemplo deste familiar?
O povo não clama por vingança. Não clama por nada. São as autoridades judiciais a quem compete agora trabalhar para travar uma bola de neve que prejudica os vimaranenses com tanta situação de «compradio» ou compadrio a grassar na Câmara de Guimarães.
Xeike a 15 de Dezembro de 2009 às 22:40
Qual Face Oculta, qual freeport, qual caso BPN!
TVI deixem o socrates e companhia e falem da verdade do ROUBO DO SÉCULO!
A ver pelas quantias em jogo, o roubo do século mete estes mediáticos casos no bolso!
Agora já percebo porque se diz que S.Torcato é de três ou quatro famílias!
Concordo com o autor do blog quando diz que o homem que tem a fama foi fazer com que outro tivesse a fama dele...À beira do roubo do século o editor do jornal ficou com a fama dos tostões.


Abraços e muitos palhaços!
Mediatismo a 15 de Dezembro de 2009 às 22:57
Não tarda nada a culpa disto tudo é da Junta de Freguesia como no caso "armário".
Viva os bons falantes e historiadores de S. Torcato, é pena nunca darem a cara para nada.
S. Torcato é dos Torcatenses, por isso lutem e façam alguma coisa de util pela terra.
TORCATENSE DE S.TORCATO a 16 de Dezembro de 2009 às 15:42
Meus caros, será que vai ser preciso recordar o que o Sr. Fernandes fez e conduziu para S. Torcato? Ele nem a subornar consegue ter dinheiro. É o maior roto que eu conheço. E vocês no global estão a cair como ingénuos no que o jornal da treta diz. Esse gajo que se cala como esteve calado nos últimos tempos que quando fala é so para dizer ........

Acordem!!!
Anti-mentirosos a 16 de Dezembro de 2009 às 16:30

alguém sabe dizer quem é o António de Sousa Fernandes? o sobrinho, o Bruno Fernandes, é o Presidente da Junta e se calhar, o tio está a torcer para que ele chegue a Presidente da Câmara e depois fazer o que lhe apetece... o Fernandes é rico à custa dos terrenos que herdou dos sogros e anda agora a ver se deita a abaixo a câmara, pfff... gostava era que o boletim falasse da PORCARIA DA ESTRADA NACIONAL ENTRE A CACHADA E O MOSTEIRO QUE DEPOIS DAS OBRAS DE SANEAMENTO QUE SOFREU DETIORA-SE TODOS OS DIAS COM A PASSAGEM DOS CAMIÕES DO LIXO PARA O ATERRO SANITÁRIO E POR CAUSA DOS CAMIÕES DA PEDREIRA DE GONÇA


só este ano tive dois furos e um cano de escape f...


a Câmara está a castigar a Junta laranja de S. Torcato há muito tempo com esta situação já que estado da estrada mete nojo e raiva, pois há vias secundárias na vila em melhor estado...  NENHUMA OUTRA VILA DO CONCELHO TEM A ESTRADA PRINCIPAL TÃO FRACA COMO S. TORCATO AGORA TEM


CADA VEZ PIOR

heroi do mar a 16 de Dezembro de 2009 às 13:52
Estou aqui, não para falar do tema em questão, apenas para acrescentar uma coisa ao meu comentário anterior  que na altura me esqueci e que é o seguinte:
Eu diverti-me imenso (estou a ser sincero) ao ler o comentário do/a Sr/a heroi do mar quando o/a Sr/a começa por abordar o tema do boletim e de repente...passa para a "Porcaria da estrada". Embora eu não saiba quem o/a Sr/a é, imaginei-o/a a dizer isso com cara de muito zangado!!!
Gostei principalmente de quando diz: "só este ano tive dois furos e um cano de escape f..."   
Parabéns pelo improviso, a outras pessoas podia não causar graça nenhuma, mas eu  sinceramente achei bastante piada!!
Saudações a todos
Olá,


Já que estamos numa de falar de jornais cá do burgo, diponibilizo AQUI a última edição do Grito Livre.


Até breve,
JP
boas,

não posso crêr como aparece alguem a defender os visados no Boletim de S.Torcato...

este boletim, apenas faz as insinuações que toda a gente em S.Torcato faz, mas que até agora ninguem ousou publicar desta forma por falta de provas...
não acredito que o sr. Fernandes publicasse tal boletim se não tivesse provas das acusações que faz, pois sabe que os acusados, no caso de ser mentira, podem acusá-lo por difamação e injurias, e esses são "crimes" que podem valer-lhes mais uns euros...

agora que foram tornadas publicas tais acusações, cabe ao ministério publico investigar a veracidade das mesmas, e tomar uma providência...
uma coisa é certa, o eng. Vitor, "sentiu" estas acusações, e decidiu tomar medidas de forma a não estar tão exposto e tentar passar despercebido...

mas, gostava de ouvir uma resposta de qualquer um dos visados, pois já a minha avozinha dizia, " só não se sente quem não é filho de boa gente", ou algo do género...


«Não tarda nada a culpa disto tudo é da Junta de Freguesia como no caso "armário".
Viva os bons falantes e historiadores de S. Torcato, é pena nunca darem a cara para nada.
S. Torcato é dos Torcatenses, por isso lutem e façam alguma coisa de util pela terra.»

 

já agora, sr. TORCATENSE DE S.TORCATO, porque não dá você a cara? e o que é que já fez por S.Torcato? gostava que me esclarecesse...

 

 

 

cump's

 

__R__

 

 
Gostaria de responder a alguem que diz que não dou a cara e se esconde atrás dum "anónimo". Bom sr Anonimo eu não me escondo de nada, muito menos de si e se tenho este pseudonome é para não misturar lugares com atritos ou tricas pessoais. Várias vezes já intrevi neste forum com o meu verdadeiro nome e não tenho problemas em divulgar, agora posso-lhe garantir que mais torcatense que eu não é decerteza e mais lhe digo duvido que tenha feito tanto por S. Torcato como eu apesar de ter 30 anos. Fiz parte de 5 associações de S. Torcato e sou dirigente também, vivo, trabalho e tenho filhos em S. Torcato. Dou emprego a Torcatenses e adora a minha terra, não recebo lições de moral de ninguem muito menos dum anonimo.
Atente fartos de pessoas bem falantes e de nariz impinado está S. Torcato, precisamos é de trabalhar e de desenvolver S. Torcato e quando finalmente isso acontece bem os velhos do restelo.
Mais uma vez Viva os Torcatenses de S. Torcato
TORCATENSE DE S.TORCATO a 18 de Dezembro de 2009 às 10:42
Muito bem, sr. Torcatense de S. Torcato...
Quanto à questão da estrada é lamentável que o Bruno Fernandes não aperte os cordões e comece a trabalhar. Porque eu estou mesmo a ver que quando o mandato do Bruno acabar, para onde ele vai!!!
Apesar de no início ter evoluido um pouco S. Torcato, dá-me uma ligeira impressão que agora está a diminuir...Já ninguém o vê de vez em quando a passar pelas nossas rua como antigamente.
Segundo aspecto, não creio que o sr. Fernandes queira ajudar o seu sobrinho, visto que a relação entre os dois é como «cão e gato».

Saudações!
Anti-mentirosos a 18 de Dezembro de 2009 às 14:39
sr. TORCATENSE DE S.TORCATO, nunca coloquei em causa o seu "Torcatismo"... nem muito menos lhe quis dar lições de moral...
apenas lhe coloquei 2 questões muito simples...
você é que está a duvidar dos feitos de todos os que intervêm neste blog, com as suas declarações.
 devia ser mais humilde, fala como se mais ninguem merecesse viver em S.Torcato. Proponho aqui que se coloque uma estátua deste senhor para que todos o possam venerar...
por favor, não coloque em causa o quanto nós gostamos de S.Torcato, e o quanto nós contribuimos para o desenvolvimento da nossa vila, se debatemos estes temas, em principio será para podermos encontrar soluções para os problemas que aparecem na vila, e 50 opiniões humildes, para mim, valem muito mais do que uma arrogante de quem se acha rei e senhor do mundo ...  
pelas mesmas razões que enomera em cima, continuarei a assinar anónimo.

Boas Festas!!!                                                                                 __R__
A vida em S. Torcato é assim infelizmente, atira-se a pedra e esconde-se a mão. O sr. Anónimo é isso mesmo anónimo e para mim fica por aqui, porque anónimo não é nada , nem de bom nem de mau é nada.
TORCATENSE DE S.TORCATO a 21 de Dezembro de 2009 às 09:38

não queria continuar com esta "discussão", mas vou ter que intervir novamente...
o sr. Torcatense de S.Torcato tem memória curta, mas eu vou lembrar-lhe quem atirou a primeira pedra...

«Não tarda nada a culpa disto tudo é da Junta de Freguesia como no caso "armário".
Viva os bons falantes e historiadores de S. Torcato, é pena nunca darem a cara para nada.
S. Torcato é dos Torcatenses, por isso lutem e façam alguma coisa de util pela terra.»
ressalvo a afirmação: « S. Torcato é dos Torcatenses, por isso lutem e façam alguma coisa de util pela terra.»
são insinuações de que ninguem dos que participam neste blog, trabalha em prol do desenvolvimento da Vila, daí a minha indignação e o ter-lhe colocado aquelas 2 questões   na minha primeira abordagem a este tema. a sua resposta, não passou de uma atitude arrogante tal como na afirmação proferida anteriormente...
continuação de um bom dia e até breve!
cump's                                                                                            __R__ 
anónimo a 21 de Dezembro de 2009 às 18:17
informações confidenciais
procurar cenas
 
últimos bitaites
Muito bom. Quero uma destas!! 
Eu acho que apoiava a candidatura do juan papali d...
O JP pode ser um candidato a candidatar-se... apre...
Espero que a freguesia da corredoura e da Cachada ...
Também temos da Corredoura.
e da corredoura nao ha?
sim de facto, hoje em dia qualquer pessoa tem um p...
http://www.noticiasdeguimaraes.com/%e2%80%9ccentro...
Boas... na "onda" das obras... Como conseguem esta...
Depende do que gosta de fazer...
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
últimos bitaites
Muito bom. Quero uma destas!! 
Eu acho que apoiava a candidatura do juan papali d...
O JP pode ser um candidato a candidatar-se... apre...
Espero que a freguesia da corredoura e da Cachada ...
Também temos da Corredoura.
e da corredoura nao ha?
sim de facto, hoje em dia qualquer pessoa tem um p...
http://www.noticiasdeguimaraes.com/%e2%80%9ccentro...
Boas... na "onda" das obras... Como conseguem esta...
Depende do que gosta de fazer...
parvoíces mais comentadas
122 torcatenses já mandaram bitaites
98 torcatenses já mandaram bitaites
72 torcatenses já mandaram bitaites
60 torcatenses já mandaram bitaites
43 torcatenses já mandaram bitaites
38 torcatenses já mandaram bitaites
36 torcatenses já mandaram bitaites
35 torcatenses já mandaram bitaites
27 torcatenses já mandaram bitaites
26 torcatenses já mandaram bitaites
SAPO Blogs