A auscultar desde dois mil e tal.

Olá a todos, especialmente a ti.


É inevitável dizer que o tema do momento é o surgimento do movimento com vista à elevação de S.Torcato a concelho. Mesmo com a inexistência de qualquer post alusivo ao tema, este já foi um assunto, por vezes, discutido neste blog. Achei portanto, pertinente lançar “formalmente”  este objecto digno de estudo.

 

Nem sempre o que merece ser estudado, é motivado pelo interesse que possa ter, ou pelo brilhantismo que apresenta. Muitas vezes, os estudos e análises servem para perceber certos comportamentos, ou saber o porquê das coisas, neste caso o porquê desta ideia de elevar S.Torcato a concelho e  consequente criação do movimento. É preciso perceber se esta surgiu por surgir, ou seja, se foi porque uma mente sonhadora tocou no assunto cá no blog e numa tarde de folga alguém decidiu criar um movimento, ou se surgiu após um estudo fundamentado e exaustivo de vários entendidos na matéria, ou então se surgiu como um aproveitamento, para chamar a atenção e depois ao de leve misturar assuntos também já falados.

Segundo a minha interpretação, vou para a última hipótese. Este movimento não é inocente, nada mesmo, sendo para mim óbvio que é uma continuação do boletim S.Torcato, não estando eu a querer dizer que tem os mesmos autores. Senão vejamos. O METC surgiu sensivelmente um mês depois do boletim: para não o fazer esquecer? Existem dois posts escritos, em que apenas metade do primeiro fala da ideia de S.Torcato a concelho e que, para mim, nenhuma das justificações apresentadas para tal necessidade é válida, só é mencionado o que S.Torcato não tem em vez de se justificaram com o que tem (não tendo nada como pode ser concelho?). Para não falar que duas das seis razões apresentadas com vista à elevação de S.Torcato a concelho, mencionam a Irmandade. A segunda metade desse post aborda o outro objectivo bem claro que é a “Extinção da Irmandade de S.Torcato” que justifica tal objectivo evocando o boletim (aqui começa a primeira fuga ao tema). Lançaram agora um novo post, que podia bem falar de mais ideias para o futuro concelho ou até podia ser um relato do trabalho que já têm feito nesse sentido, mas não. O novo post é uma “Carta aberta a D. Jorge Ortiga sobre risco de colapso do santuário de S.Torcato”. E o texto fala sobre o santuário, e falando do santuário fala-se da irmandade e falando-se da irmandade, fala-se “mal” mais um bocadinho. Para choque da minha parte, no final é colocado o link do outro blog que fala sobre o boletim, para o D. Jorge Ortiga poder consultar. Na minha opinião o METC podia ter disfarçado melhor, esqueceu muito rapidamente a ideia de concelho, e aí comprometeu tudo. É irmandade a mais e concelho a menos. Atenção que com isto não quero defender quem quer que seja, só quero alertar que esta magnifica ideia (ou não) do METC de elevar S.Torcato a concelho é uma falsa questão, na minha opinião. Não tenho conhecimento de psicologia como alguns aqui já os mostraram, faço apenas uma interpretação dos factos.

Esta é a minha interpretação, e a vossa qual é?

Sobre este movimento, tenho dito.

 

 

 

 

Já agora, pegando na ideia(?) do METC (esquecendo o seu propósito) acho pertinente falar da possibilidade de S.Torcato ser concelho. Neste momento não passa de uma ideia parva. Como já aqui alguém disse, vimo-nos à rasca para sermos uma vila, se bem que já estivemos bem pior. Onde temos estrutura para tal ideia? Mesmo juntando todas as freguesias envolvente, vejo só uma vantagem, ficávamos com mais mato e aí pelo menos ganhávamos em oxigénio. Ter muitos habitantes e muita área não me diz nada, sem o conteúdo… Na minha opinião podemos, sozinhos, transformarmo-nos numa grande vila e para lá caminhamos, mas daí a sermos concelho, ainda vai um bom bocado. Reforço a ideia dizendo que como estamos (ou até juntando as tais freguesias) é estúpido dizer que podemos ser um concelho, mas se me disserem que era bem feito um projecto para daqui a uma década ou duas sermos concelho, isso já é diferente. Mas a concretização de um projecto desses transporta sempre uma sério de factores e variáveis difíceis de controlar. Um cenário destes já não é tão estúpido assim.

 

Comentem, opinem, sejam especialmente activos.

Até breve,

JP

bitaite mandado por juanpapali às 17:11 | link do post
Cá em casa o meu pai diz que o METC é coisa do Sr. Fernandes "p....". O meu irmão jura que o Bruno Fernandes está por trás. De tanto que já vi no CSI num espatava nada que fosse a Irmandade. Se nenhum dos três for, então temos mistério graúdo. Alguém me diz quem é? Xau
Elsa a 1 de Fevereiro de 2010 às 17:44
Olá,
Concordo totalmente com a teoria do JP.
Bem visto, sim senhor.
roto a 1 de Fevereiro de 2010 às 17:57

Ó Elsa, ó Elsa, Badajoz à vista! Na vossa casa anda toda a gente dividida e o caso não é p’ra menos. Do que li do Papali, inclino-me p’ra a hipótese D, ou seja, aquela que só o METC pode dar. Conjecturas, levam a mais conjecturas e ninguém consegue encontrar os responsáveis senão após revelação dos mesmos. No site do METC, pode haver uma referência implícita à dissolução da irmandade, diria até subliminar, nas entrelinhas, mas não a encontro na forma expressa. Aquilo que eu leio é que eles defendem a Criação do Concelho de S. Torcato como objectivo ÚNICO. Também estive a tarde toda a procurar e não encontro a tal carta aberta a D. Jorge Ortiga com a tal farpa lançada contra a irmandade. Gostava de saber o que dizia.


Na minha óptica, dou razão ao Papali, o METC não é nada inocente. Algumas das suspeitas da Elsa podem estar certas, mas até ao ponto de dizer qual ou se são falsas, aí não consigo. Será o Fernandes do Órfão? Hummm, já não tem corpo e discernimento para suportar uma luta destas. O Bruno? Hummm, não se atreve a tanto depois de anos a andar com a Câmara na palma das mãos. A Irmandade? Hummm, é uma teoria rebuscada demais. Um reformado? Hummm, dou a mesma resposta que dei ao Fernandes do Órfão. Bolas, quem será? Isto de mandar bitaites com a cara tapada até parece que temos a ETA em S. Torcato. Podemos chegar a Concelho, sim, devagar, devagarinho. Mas se for p’ra amanhã ou p'ra depois, começa a ser perigoso. Este Presidente da Câmara já sofreu o desgosto de perder Vizela em 1998. Antes, Guimarães tinha Monte Longo (Fafe) em 1840. Perder agora 10 freguesias para o Concelho de S. Torcato ainda dava uma ataque ao homem! Deixem passar mais algum tempo, pelo menos até ao fim do mandato, ou se o pessimismo for tanto assim, pelo menos mais um século. Vamos ter calma que Portugal é nosso há quase 800 anos. Do alto de Poveiras,


Saudações Monegásticas

CONDE DE POVEIRAS a 1 de Fevereiro de 2010 às 19:34
Olá a todos!

Bora lá jogar ao gato e ao rato!
Bastou eu falar do movimento e dos tais posts que falavam da carta aberta a d.jorge de ortiga e dos ataques para...PUFFF OS POST DESAPARECERAM DO BLOG..que coincidência dos diabos. O que vale é que o METC até era seguido por alguma gentinha que se vai espantar também com o desaparecimento dos posts.


Se dúvidas haviam quanto à credibilidade deste movimento, desapareceram agora. O blog é gerido por um conjunto de putos traquinas fanfarrões, está visto.


As atitudes de quem o gere é tão denunciada e evidente que até mete pena. Até chegam ao ponto de virem cá (pela voz do CONDE DE POVEIRAS) dizer:" cúcú os posts desapareceram!Estive à procura e nada!". Para não de outros que armam o PINGARELHO dizendo: "ai tal S.torcato devia ser concelho" e puff o movimento surge. Depois diz "ai e tal o santuário está a cair" e o movimento fala disso. Mas dizendo sempre "nada tenho a ver com o METC".
Ultimamente tenho me rido tanto..


Estava esperançado que houvesse gente activa em S.Torcato, mas não era só pegadinha, como dizem os brasileiros. Foi pena.


Até breve,
JP 

SERÁ QUE SE PERDEU DEFINITIVAMENTE O JUIZO EM S.TORCATO....
PARA SERMOS VILA .... SABE LÁ DEUS.
CONCELHO SÓ SE FOR COM "S" PARA ABRIR UNS QUANTOS OLHOS NESTA TERRA
TORCATENSE DE S.TORCATO a 2 de Fevereiro de 2010 às 11:27
Boas a todos os participantes deste forum. Queria exprimir a minha total discordância com algumas opiniões aqui expressas. S. Torcato tem de em 1º lugar se consolidar como Vila que é e demonstrar que o merece ser.
Concelho... se se conseguir um bom trabalho como Vila daqui a umas décadas poderemos pensar nisso, mas eu sou um assumido Torcatense de Guimarães com muito orgulho...
ALBERTO MARTINS a 2 de Fevereiro de 2010 às 11:30

Exmo. Juan Papali e População em Geral,


Há cerca de uma semana, o METC Movimento pró-Elevação de S. Torcato a Concelho decidiu em plenário que no dia 1 de Fevereiro deixaria de incluir nos seus objectivos a “erradicação da Irmandade de S. Torcato”.


Com necessidade de separar o trigo do joio e nos debatermos por uma Causa Maior, concluímos que esta reivindicação serviu para sensibilizar atempadamente a Hierarquia da Igreja para a tomada de uma decisão condizente com os fundamentos teológicos que a suportam.


O GTM Grupo S. Torcato Melhor, com uma identidade corporativa distinta do METC, será o novo rosto criado para supervisionar os preceitos da Comunidade Torcatense que possam colocar em perigo a moral, os bons costumes e a convivência social.


De forma a evitar-se abusos por parte de desconhecidos ou indevidos na utilização deste ou outros fóruns e sejam erroneamente conotados com o nosso Movimento, sempre que forem prestados quaisquer esclarecimentos oficiais, o METC enviará um e-mail ao autor do blog certificando a sua origem.


Desde já agradecemos a atenção que nos tem dedicado e reiteramos que o METC é de todos que desejam S. Torcato a Concelho.


Viva o Concelho de S. Torcato!


S. Torcato, 2 de Fevereiro de 2010


METC Movimento pró-Elevação de S. Torcato a Concelho

METC a 2 de Fevereiro de 2010 às 13:29
Olá a todos,


Venho por este meio informar, que na próxima edição do Grito Livre (a sair ainda esta semana), vou divulgar na crónica, Piu Piu Piu Papalipapígrafo, onde escrevo de três em três meses, a minha verdadeira identidade.


Para quem ainda não sabe quem sou, aí ficará a confirmação.


Até breve,
JP
Devo dizer que acompanho a rubrica do piu piu no grito livre e sei qual a linha que segue. Sei que é para a galhofa e não me acredito que o Juan Papali divulgue a sua verdadeira identidade. Em todo o caso, acho que não é grande novidade saber quem é o Juan Papali. Mas na minha opinião, mesmo sabendo eu quem é até acho piada que não altere o nome com que tem escrito.
abraços
lula a 2 de Fevereiro de 2010 às 20:55
S. Torcato a Concelho? Sim. Mas também Guimarães a distrito. Assim tá bem.  
Pico Pico Safanico a 3 de Fevereiro de 2010 às 20:02
informações confidenciais
procurar cenas
 
últimos bitaites
Muito bom. Quero uma destas!! 
Eu acho que apoiava a candidatura do juan papali d...
O JP pode ser um candidato a candidatar-se... apre...
Espero que a freguesia da corredoura e da Cachada ...
Também temos da Corredoura.
e da corredoura nao ha?
sim de facto, hoje em dia qualquer pessoa tem um p...
http://www.noticiasdeguimaraes.com/%e2%80%9ccentro...
Boas... na "onda" das obras... Como conseguem esta...
Depende do que gosta de fazer...
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
parvoíces mais comentadas
122 torcatenses já mandaram bitaites
98 torcatenses já mandaram bitaites
72 torcatenses já mandaram bitaites
60 torcatenses já mandaram bitaites
43 torcatenses já mandaram bitaites
38 torcatenses já mandaram bitaites
36 torcatenses já mandaram bitaites
35 torcatenses já mandaram bitaites
27 torcatenses já mandaram bitaites
26 torcatenses já mandaram bitaites
blogs SAPO